2-23 Tecido epitelial de revestimento

EPITÉLIO DE TRANSIÇÃO – 2
Uma característica muito importante das células do epitélio de transição é sua capacidade de se rearranjar nos diferentes estados de preenchimento da bexiga.
Quando a bexiga está esvaziada ou com pouca urina o epitélio é mais alto e formado por maior número de camadas. Quando a bexiga contém muita urina, as células epiteliais se rearranjam, o número de camadas pode diminuir, o epitélio fica mais delgado e as células superficiais se tornam mais achatadas.

Erros? Texto pouco claro? Sugestões? Comunique-se com os autores:

Histologia Geral e dos Sistemas: mol@icb.usp.br

Histologia Oral: vfreitas3d@gmail.com.

NAVEGAÇÃO NO MOL:

ACESSAR PÁGINA ANTERIOR

ACESSAR PÁGINA SEGUINTE