8-6 Tecido muscular

TECIDO MUSCULAR ESTRIADO ESQUELÉTICO – 4
Organização histológica dos músculos esqueléticos

As fibras musculares esqueléticas quase sempre se organizam em feixes de complexidade crescente, conforme as dimensões do músculo.

Há uma pequena quantidade de tecido conjuntivo frouxo entre as fibras musculares. Este tecido conjuntivo é importante pois contém os vasos sanguíneos, vasos linfáticos e os nervos destinados nutrir e inervar as fibras. Este tecido se denomina endomísio (em vermelho no desenho e ressaltado na mesma cor na imagem do corte histológico).
Há tecido conjuntivo denso em quantidade maior que a do tipo anterior, que reúne fibras musculares esqueléticas em grupos denominados fascículos. Sua denominação é perimísio (em verde no desenho e ressaltado no corte).
O músculo como um todo é envolvido por uma capa de tecido conjuntivo denso modelado denominada epimísio. Esta capa envolve todos os fascículos do músculo (em rosa no desenho).

A imagem inferior é de um corte transversal de músculo esquelético corado por um corante tricrômico, o qual é muito útil para diferenciar e evidenciar o tecido conjuntivo (perimísio em verde, endomísio em vermelho).

Músculo esquelético. Coloração: tricrômico de Masson. Aumento: pequeno.

Erros? Texto pouco claro? Sugestões? Comunique-se com os autores:

Histologia Geral e dos Sistemas: pabrahamsohn@uol.com.br

Histologia Oral: vfreitas3d@gmail.com.

NAVEGAÇÃO NO MOL:

ACESSAR PÁGINA ANTERIOR

ACESSAR PÁGINA SEGUINTE