2-2 Tecido epitelial de revestimento

FUNÇÕES E CLASSIFICAÇÃO DO TECIDO EPITELIAL

Principais funções do tecido epitelial:

  • revestir superfícies
  • secretar moléculas
  • transportar moléculas ou íons entre dois compartimentos

A função de revestimento de superfícies tem várias finalidades importantes:

  • oferecer proteção mecânica à superfície revestida
  • funcionar como uma barreira separando compartimentos no corpo
  • absorver moléculas transportando-as de um compartimento para o outro
  • proteção para algumas superfícies impedindo seu dessecamento.

As funções de secreção e transporte consistem fundamentalmente em:

  • reunir pequenas moléculas e utilizá-las sintetizar moléculas maiores (macromoléculas) que serão secretadas pelas células
  • transformar moléculas pela adição, retirada ou substituição de seus componentes e secretá-las
  • em alguns casos (como p. ex. o suor das glândulas sudoríparas), a maior parte da secreção é somente transportada pelas células sem que haja um processo de síntese envolvido
  • transporte de moléculas, partículas e íons entre o lúmen de uma cavidade e o tecido conjuntivo, por exemplo nas células que revestem internamente vasos sanguíneos e linfáticos e nas células dos túbulos renais.

CLASSIFICAÇÃO DO TECIDO EPITELIAL

De acordo com sua localização, arranjo das células e funções, o tecido epitelial é classificado em dois tipos:
TECIDO EPITELIAL DE REVESTIMENTO
TECIDO EPITELIAL SECRETOR OU GLANDULAR

Esta classificação é, no entanto, imperfeita, pois há muitos epitélios de revestimento nos quais algumas ou todas células são também secretoras.

Erros? Texto pouco claro? Sugestões? Comunique-se com os autores:

Histologia Geral e dos Sistemas: mol@icb.usp.br

Histologia Oral: vfreitas3d@gmail.com.

NAVEGAÇÃO NO MOL:

ACESSAR PÁGINA ANTERIOR

ACESSAR PÁGINA SEGUINTE