15-3 Pele

DIFERENÇAS ENTRE PELE ESPESSA E PELE FINA
Pele espessa
Veja a figura superior.
A pele espessa é tipicamente encontrada na sola dos pés, palma das mão, cotovelos e joelhos.
Possui uma epiderme espessa, formada por muitas camadas de células (epiderme destacada em verde claro) e um espesso estrato córneo (em verde escuro). Veja a figura superior.
Os vários estratos são geralmente bem definidos e reconhecidos.
A derme também é espessa. É constituída de tecido conjuntivo denso não modelado e apresenta glândulas sudoríparas (destacadas em azul escuro), porém não apresenta folículos pilosos, pelos e nem glândulas sebáceas.

Pele fina
Veja a figura inferior.
A epiderme é delgada, com poucas camadas de células (destacada em verde claro) e estrato córneo igualmente delgado – destacado em verde escuro. O estrato espinhoso e principalmente o estrato granuloso são delgados e às vezes difíceis de serem percebidos.
A derme constituída de tecido conjuntivo denso não modelado é delgada, com glândulas sudoríparas (em azul escuro), glândulas sebáceas (em azul claro) e folículos pilosos (em bege). Note que as glândulas sebáceas estão associadas aos folículos pilosos.

Pele espessa. Coloração: hematoxilina e eosina. Vista panorâmica.

Pele fina. Coloração: hematoxilina e eosina. Vista panorâmica.

Tablets e telefones celulares:
Clique sobre a figura para acessar outra imagem. Clique fora da figura para voltar à primeira imagem.

Erros? Texto pouco claro? Sugestões? Comunique-se com os autores:

Histologia Geral e dos Sistemas: mol@icb.usp.br

Histologia Oral: vfreitas3d@gmail.com.

NAVEGAÇÃO NO MOL:

ACESSAR PÁGINA ANTERIOR

ACESSAR PÁGINA SEGUINTE