6-9 Tecido cartilaginoso

CARTILAGEM FIBROSA OU FIBROCARTILAGEM
A cartilagem fibrosa é formada por condrócitos enfileirados entre fibras colágenas paralelas de diâmetro variável, geralmente bastante espessas.
Pode-se concluir que este tipo de cartilagem, reunindo fibras colágenas e componentes da matriz extracelular cartilaginosa, tenha uma grande capacidade de resistência à pressão mecânica, torção e tensão. É, portanto, uma estrutura bastante forte, o que explica a sua localização em locais muito sujeitos a forças físicas: discos intervertebrais, sínfise pubiana, inserção de tendões em ossos, na articulação têmporo-mandibular e na articulação coxo-femural.
A imagem superior mostra em aumento pequeno uma parte de um disco intervertebral onde se observam células e fibras colágenas. Neste tipo de cartilagem a matriz extracelular não é basófila, como nos demais tipos de cartilagem, pois é formada principalmente pela proteína colágeno, que é acidófila, corando-se em rosa após HE.
No aumento maior (figura inferior) de um disco intervertebral, há condrócitos alinhados entre espessas fibras colágenas acidófilas. É possível observar muito bem que os condrócitos se localizam em pequenas lacunas.
Condrócitos ressaltados em azul e fibras colágenas em cor de rosa.
O diagnóstico diferencial entre fibrocartilagem e tendão pode ser feito pelas células que os constituem: fibroblastos alongados no tendão e condrócitos na cartilagem.

Clique aqui para rever a imagem de tendão

Fibrocartilagem. Coloração: HE. Aumento: pequeno.

Fibrocartilagem. Coloração: HE. Aumento: médio.

Erros? Texto pouco claro? Sugestões? Comunique-se com os autores:

Histologia Geral e dos Sistemas: pabrahamsohn@uol.com.br

Histologia Oral: vfreitas3d@gmail.com.

NAVEGAÇÃO NO MOL:

ACESSAR PÁGINA ANTERIOR

FIM DO MÓDULO 6 -TECIDO CARTILAGINOSO